Gestores valorizam e anseiam pelo feedback dos seus superiores. Donos das empresas querem muito ouvir os clientes. Mas quem escuta a equipe de verdade? Não estou mencionando aqui somente opiniões e feedbacks esporádicos. Estou falando de uma prática institucionalizada na empresa. Sua empresa tem um processo sistemático de avaliação de desempenho e feedback de baixo para cima?

Muitas vezes evitamos esta prática pela complexidade de administrar a situação e as expectativas. O que fazer se meu subordinado fizer uma crítica infundada? E se me pedir para mudar algo em meu estilo que não estou disposto a mudar? E se me pedir para mudar algo que acho que não consigo mudar? E se expuser alguma fragilidade minha?

reunião de feedback 360 avaliação de desempenho

Sobre as posições idealizadas, fantasiosas ou infundadas, é saudável que o gestor até dê esse retorno, de que “é gente” e que não é perfeito. (mas você precisa dizer isso para você primeiro também!) Fazer isso vai regular expectativas que não podem ser atendidas e tende a reduzir o nível de frustração da equipe.

Sobre a exposição de vulnerabilidades e geração de desconforto, é importante entender que o problema já existe. E normalmente toda a equipe já sabe disso. E é capaz até de comentarem uns com os outros também. Só não chega até você, por razões óbvias.

Portanto, é muito melhor equilibrar a sua autoimagem e sua autoidealização com o feedback muitas vezes surpreendente, incômodo e contundente (ou inesperadamente bom) que pode vir. Daniel Goleman, em seu excelente livro O poder da inteligência emocional, aponta que estudos de universidades renomadas mundialmente demonstraram que o feedback e a avaliação da equipe sobre o desempenho do gestor são os que mais têm potencial de promover uma melhor gestão e melhores resultados.

Se você quiser crescer como gestor, avalie começar esse processo. Pense em como criar um ambiente em que a sua equipe se sinta mais à vontade com essa situação tão difícil. E pense em como institucionalizar as avaliações para que tenham algum tipo de enquadramento para ter menos chance de dar errado.

O processo não é fácil e pode gerar tensões. Pode inclusive fazer mais mal do que bem, se não for conduzido adequadamente. Invista no desenho deste processo de gestão que você vai colher grandes frutos para sua liderança e para sua empresa.

 

Leia mais sobre gerenciamento de alto impacto aqui:

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *